ImplantNewsPerio 2017 | V2N3 | Páginas: 485-93

Uso da doxiciclina no tratamento periodontal de pacientes diabéticos

Use of doxycycline in the periodontal treatment of diabetic patients – systematic review

  • Imprimir
  • Indique a um amigo

Autor(es):

Daniela Maria Janjacomo Miessi1
Márcio Luiz Ferro Alves2
Valdir Gouveia Garcia3
Maryelisa Vicente Gonçalvez4
Letícia Helena Theodoro5

1Mestra em Odontologia – Unesp; Aluna do programa de doutorado em Odontologia, área de concentração Periodontia – FOA/Unesp.
2Mestre em Odontologia, área de concentração Periodontia – FOA/Unesp.
3Professor titular da disciplina de Periodontia – FOA/Unesp.
4Cirurgiã-dentista – FOA/Unesp.
5Professora adjunta da disciplina de Periodontia – FOA/Unesp.

Resumo:

O paciente diabético tem uma resposta desfavorável ao tratamento periodontal devido à alteração da resposta imunoinflamatória e da cicatrização. Tendo isso em vista, alguns estudos clínicos em humanos têm avaliado o efeito do uso de antibioticoterapia como coadjuvante ao tratamento periodontal. Portanto, objetivou-se realizar uma revisão sistemática para avaliar a efi cácia da antibioticoterapia com doxiciclina no tratamento periodontal de pacientes diabéticos. A pesquisa compreendeu o período de dezembro de 1994 a janeiro de 2017. A revisão sistemática foi conduzida de acordo com as recomendações do Cochrane Collaboration. Os critério de seleção utilizado foi: estudos clínicos controlados randomizados que utilizaram a terapia antibiótica com doxiciclina no tratamento periodontal de pacientes diabéticos. As médias dos parâmetros clínicos periodontais foram comparadas entre os períodos iniciais e após o tratamento, entre o grupo-teste e o grupo-controle. Depois do processo de seleção, oito estudos clínicos controlados randomizados foram incluídos na revisão. Os resultados da maioria dos estudos selecionados com doxiciclina sistêmica não demonstraram benefícios adicionais, quando comparados com a raspagem isolada, nos parâmetros clínicos periodontais. Desta forma, pôde-se concluir que o número limitado de trabalhos, a heterogeneidade dos estudos e a grande variação de dosagem requerem a realização de outros estudos clínicos controlados randomizados para esclarecer controvérsias sobre o uso da doxiciclina como terapia coadjuvante ao tratamento periodontal mecânico em pacientes diabéticos.

Unitermos:

Antibacterianos; Diabetes; Doença periodontal; Doxiciclina.

Abstract:

The diabetic patient has an unfavorable response to periodontal treatment due to impaired immuno-infl ammatory response and healing. With this in view, some clinical studies have evaluated the effect of the use of antibiotic therapy as a adjuvant to periodontal treatment. Therefore, a systematic review was carried out to evaluate the efficacy of antibiotic therapy with doxycycline in the periodontal treatment of diabetic patients. The study comprised the period from December 1994 to January 2017. The systematic review was conducted according to the recommendations of the Cochrane Collaboration. The selection criteria used were: randomized controlled trials that used doxycycline antibiotic therapy in periodontal treatment in diabetic patients. The means of periodontal clinical parameters were compared between the initial and post-treatment periods, between the test and control groups. After the selection process, eight randomized controlled trials were included in the review. The results of most of the studies selected with systemic doxycycline did not demonstrate any additional benefits when compared to scaling alone, in periodontal clinical parameters. Therefore, it can be concluded that the limited number of studies, the heterogeneity of the studies, as well as the great variation of dosage, require the execution of other randomized controlled clinical studies to clarify controversies about the use of doxycycline as adjunctive therapy to mechanical periodontal treatment in diabetic patients.

Key words:

Anti-bacterial agents; Diabetes; Periodontal disease; Doxycycline.
  • Imprimir
  • Indique a um amigo