ImplantNewsPerio 2018 | V3N3 | Páginas: 541-8

O uso de probióticos na doença periodontal

Use of probiotics in periodontal disease

  • Imprimir
  • Indique a um amigo

Autor(es):

Rúbia Gomes de Oliveira Campos1
Ana Beatriz Machado Moura Leite2
Fabio da Silva Matuda3
Renata Amadei Nicolau4
Michelle Bianchi de Moraes5

1Mestranda em Ciência e Tecnologia Aplicada à Odontologia – Unesp; Cirurgiã-dentista – Univap.
2Especialista em Periodontia – APCD/São José dos Campos; Cirurgiã-dentista – Unitau.
3Doutor em Odontologia Restauradora – Unesp; Professor responsável pela disciplina de Periodontia – Univap.
4Doutora em Engenharia Biomédica – Univap; Doutora em Ciências Experimentais Aplicada à Biomedicina – Universitat Rovira i Virgili URV/Espanha.
5Pós-doutorado em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial – Faculdade de Odontologia Fousp; Professora assistente doutora da disciplina de Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial – Unesp.

Resumo:

Objetivo: analisar, através de uma revisão de literatura, o uso de probióticos na doença periodontal. Materiais e métodos: foram pesquisados artigos científicos publicados nos últimos dez anos e referências clássicas abordando o uso de probióticos na Periodontia através dos bancos de dados Medline-Pubmed e Portal de Periódicos Capes. A busca dos artigos incluiu estudos de revisão de literatura e estudos de relato de casos clínicos. Conclusão: esta revisão de literatura não pôde atestar os efeitos benéficos desses micro-organismos em longo prazo, porém, de uma forma geral, houve uma melhoria nos parâmetros clínicos, microbiológicos e imunológicos periodontais. Pesquisas in vivo mais consistentes, através de estudos controlados abordando os principais parâmetros clínicos periodontais, microbiológicos e imunológicos são necessárias para assegurar a eficácia do uso de probióticos como coadjuvantes ao tratamento periodontal.

Unitermos:

Probióticos; Doença periodontal.

Abstract:

Objective: to analyze through a literature review the use of probiotics in periodontal disease. Materials and methods: scientific articles published in the last ten years and classic references dealing with the use of probiotics in periodontics were screened the Medline-Pubmed and Portal de Capes journals databases. The articles search included literature review studies and clinical case report studies. Conclusion: this literature review can’t state the benefi cial effects of these microorganisms in the long term, but in general there was an improvement in clinical, microbiological and immunological periodontal parameters. More consistent in vivo controlled studies addressing the major periodontal, microbiological and immunological clinical parameters are needed to ensure the efficacy of probiotics as an adjuvant to periodontal treatment.

Key words:

Probiotics; Periodontal disease.
  • Imprimir
  • Indique a um amigo