ImplantNewsPerio 2019 | V4N1 | Páginas: 147-51

Uso da matriz colágena suína no recobrimento radicular

Use of the porcine collagen matrix for root coverage – literature review

  • Imprimir
  • Indique a um amigo

Autor(es):

Sandro Felipe Santos de Faria1
Gustavo Henrique de Mattos Pereira1
Fabiano Ferreira Mariano2
Luís Otávio de Miranda Cota3
Fabiano Araújo Cunha3
Rafael Paschoal Esteves Lima3

1Mestrandos em Periodontia – FO/UFMG.
2Acadêmico do curso de graduação em Odontologia – FO/UFMG.
3Professores adjuntos da disciplina de Periodontia – FO/UFMG.

Resumo:

A recessão gengival é uma condição que apresenta alta prevalência na população mundial. As cirurgias mucogengivais são indicadas para aumento da faixa de mucosa ceratinizada inserida, aumento de rebordos, eliminação de inserções altas de freios e bridas, e no tratamento de recessões gengivais visando seu recobrimento. As principais técnicas cirúrgicas para recobrimento radicular utilizam duas áreas cirúrgicas (área receptora e doadora), aumentando a morbidade do paciente. A matriz colágena suína (MC) apresenta-se como uma alternativa à obtenção de tecido doador autógeno, podendo atuar como um possível substituto desses tecidos. O objetivo desta revisão foi analisar a eficácia da matriz colágena suína (MC) no tratamento das recessões gengivais. Para isso, foram realizadas buscas nas bases de dados PubMed, Cochrane Database of Systematic Reviews e Dentistry and Oral Sciences Source, que abordavam o tema proposto. Para avaliar a eficácia do uso da MC, sete ensaios clínicos duplo-cegos e randomizados foram selecionados. Os resultados demonstraram que a utilização da MC pode ser uma opção satisfatória, como substituta de tecido doador autógeno, em cirurgias de recobrimento radicular. O enxerto de tecido conjuntivo gengival continua sendo o padrão-ouro no tratamento das recessões gengivais. A MC apresenta-se como um substituto, principalmente, em casos de pouca quantidade de material doador autógeno do paciente e nos casos em que o risco de morbidade do paciente apresenta-se alto, como no tratamento de múltiplas recessões.

Palavras-chave:

Recessão gengival; Recobrimento radicular; Matriz dérmica suína.

Abstract:

Gingival recession is a condition that presents high prevalence in the world population. The mucogingival surgeries are indicated to increase the width of attached keratinized mucosa, alveolar ridges, to eliminate high muscular attachments, and to treat gingival recessions. The main surgical techniques for root coverage use two surgical areas (recipient and donor areas), increasing patient morbidity. The porcine collagen matrix (CM) is an alternative to autogenous donor tissue, which can act as a possible substitute. The purpose of this review was to analyze the efficiency of the porcine collagen matrix (CM) in the gingival recessions. For this, searches were made on the PubMed, Cochrane Database of Systematic Reviews and Dentistry and Oral Sciences Source electronic databases. On the evaluation of CM efficacy, seven double-blind, clinical randomized trials were selected. The results showed that the use of CM may be a satisfactory option as a substitute of autogenous donor tissue in root covering procedures. The gingival connective tissue graft remains the gold standard in the treatment of gingival recessions. The CM is presented as a substitute, especially in cases of low amounts of autogenous donor material and in cases where the risk of patient morbidity is high such in the multiple recession areas.

Key words:

Gingival recession; Root coverage; Porcine dermal matrix.
  • Imprimir
  • Indique a um amigo