Publicado em: 31/05/2019 às 09h51

IN 2019: conversão de conhecimento

Confira alguns dos destaques que compõem o corpo docente internacional do encontro.

  • Imprimir
  • Indique a um amigo

 

Attila Bodrogi faz parte da nova geração da Odontologia. Ele se formou na Hungria, especializou-se em Estética em 2001 e frequentou a Academia Peter Dawson – ou seja, imagine o que ele sabe de Oclusão! Bodrogi passou pelo programa da Universidade da Califórnia em Los Angeles (Ucla), nos Estados Unidos, e atualmente tem seu próprio centro de treinamento, um verdadeiro spa, onde ensina fotografia e estética em cerâmicas. Para profissionais com interesse em estética clínica e procedimentos reabilitadores orais, essa aula é imperdível.
 

O professor suíço Ueli Grunder é um dos melhores reabilitadores do mundo. Formado em 1982 pela Universidade de Zurique, sempre trabalhou para compreender a influência da quantidade de osso no posicionamento do implante e os processos de remodelação peri-implantar, fato este que gerou um dos artigos mais famosos da história. Seu livro está traduzido no Brasil pela Editora Napoleão. Ele foi presidente da Sociedade Helvética de Reabilitação Oral e da Academia Europeia de Odontologia Estética. Uma aula indispensável para profissionais com interesse multidisciplinar em procedimentos de reabilitação oral.
 

O francês Jean-Pierre Gardela tem forte conhecimento em Prótese Dentária, Periodontia e implantes. Ex-professor assistente em Periodontia e Implantodontia na Universidade de Marselha, na França, ele é pós-graduado em Periodontia, Prótese Fixa e Implantodontia. Também foi presidente da South East French Society of Periodontology e da French Society of Periodontology and Implantology, além de ser criador do Institute of Advanced and Esthetic Dentistry (IAED), em Marselha. Sua aula é voltada para profissionais que necessitam conhecer os fatores-chave das restaurações estéticas de sucesso a longo prazo, a partir do controle de tecidos moles e duros.
 

Osseodensificação: um tópico que ouvimos muito em 2018. E nada melhor do que trazer o criador da técnica para explicá-la. Na apresentação do norte-americano Salah Huwais, será possível tirar dúvidas ao vivo com o fundador da empresa e inventor da tecnologia Densah Bur. Huwais completou o treinamento cirúrgico em Periodontia e Implantodontia na Universidade de Illinois, em Chicago (Estados Unidos), e é professor assistente no programa de Implantodontia da Universidade de Minnesota. Em 2017, recebeu o Prêmio de Pesquisa Isaih Lew, da Fundação Memorial AAID. Essa é uma ótima oportunidade para profissionais que desejam compreender o cronograma biomecânico e histológico de cicatrização; os dados clínicos da osseodensificação; a plasticidade óssea; e o efeito da osseodensificação na estabilidade total do implante, na cicatrização e o que ela significa na biomecânica, histologia e volume ósseo.
 

O conceito de paciente virtual é uma maneira de abordar os casos complexos combinando a varredura facial, a varredura intraoral, a tomografia computadorizada de feixe cônico do substrato ósseo e o movimento funcional do paciente. E nada melhor do que o grande professor Francesco Mintrone para apresentar este conceito no IN 2019. Ele iniciou sua atividade profissional como técnico em prótese dentária, graduando-se em Odontologia na Universidade de Modena, na Itália. Mintrone é membro ativo da Academia Europeia de Estética Dentária (EAED) e vencedor do master clinician em Implantodontia no Gide/Ucla, edições 2011 e 2012. Também é membro do corpo docente e presidente do programa de mestrado em Estética e Implantodontia do Gide/LLU na Europa e na China. Esta é uma aula destinada a profissionais que querem entender o conceito do paciente virtual nos novos paradigmas da reabilitação funcional e estética usando a tecnologia digital de ponta disponível no mercado.
 

Quando falamos em zircônia para dentes, um dos primeiros nomes que nos vêm à mente é o da professora Petra Gierthmühlen-Guess. Ela é especialista em Prótese Dentária pela Sociedade Alemã de Prótese Dentária e foi cientista visitante no Depto. de Biomateriais e Biomimética da Universidade de Nova York entre 2006 e 2009. Atualmente, Petra é professora e chefe do Depto. de Prótese Dentária na Universidade Heinrich-Heine, em Düsseldorf (Alemanha). Neste IN 2019, veremos a reabilitação protética digital, passando da minimamente invasiva à reabilitação total com implantes. A palestra apresentará uma série de casos e evidências científicas relativas ao sucesso clínico de materiais CAD/CAM e tecnologias restauradoras digitais.
 

Do Canadá, surge uma nova filosofia em tratamento periodontal e com implantes dentários. Pós-graduada em Periodontia pela Universidade da Colúmbia Britânica, a professora Sonia Leziy possui formação sólida em clínica. Neste IN 2019, ela mostrará como criar as linhas de comunicação entre o membro da equipe cirúrgica e o dentista restaurador usando novos conceitos e técnicas cirúrgicas. Venha conhecer como o fluxo de trabalho digital pode ser implementado com sucesso em práticas cirúrgicas movimentadas, com uma abordagem de design presencial. A aula também será ilustrada com casos clínicos, protocolos de enxerto de tecidos moles e duros, conservadores e simplificados, em evolução na cirurgia de implante.
 

A evidência científica mostra que as papilas interproximais e os tecidos moles, em geral, não são previsíveis quando associados à terapia de implantes dentários. Como pensávamos e como pensamos atualmente? Esta é a proposta de David Troncoso, especialista em Reabilitação Oral pela Universidade Militar Nueva Granada, na Colômbia, e docente da pós-graduação em Reabilitação Oral da Universidade Nueva Granada. Troncoso vai enfatizar a manipulação de restaurações provisórias para guiar o tecido mole na zona transgengival. Será uma oportunidade de aprender como gerar uma pressão dinâmica para conseguir contornos harmoniosos que simulem a arquitetura gengival, além de alternativas cirúrgicas e protéticas atuais.

  • Imprimir
  • Indique a um amigo