INPN - O portal das revistas ImplatNews e PerioNews
 
Compartilhe  Compartilhe Twitter Imprimir Indique a um amigo
Publicado em: 21/10/2016 14h51

Duplo escaneamento com CAD/CAM para produzir restaurações cerâmicas definitivas

Dario Adolfi fala sobre o desafio de reabilitação total.
 
Dario Adolfi

Dario Adolfi
Cirurgião-dentista formado pela Universidade de São Paulo, ceramista, diretor do Centro de Educação Spazio Education e palestrante internacional. Ele também é o autor do livro “A Estética Natural”, publicado pela Quintessence International em português, inglês, espanhol e russo, e autor de vários artigos na área Estética.

O objetivo da reabilitação total é fornecer um padrão ordenado dos contatos oclusais e da articulação, o que proporcionará saúde, conforto, estabilidade oclusal e estética, além de otimizar a função. Esta é, provavelmente, uma das tarefas mais difíceis e tecnicamente exigentes enfrentadas pelo protesista, e pelo técnico dental.

É possível obter alta previsibilidade para as reabilitações totais quando todo o planejamento é baseado em um enceramento diagnóstico para a produção das restaurações provisórias. Estas ainda devem ser avaliadas antes dos procedimentos de moldagem para a execução das próteses definitivas, utilizando o sistema CAD/CAM pela técnica do duplo escaneamento, tanto para os dentes anteriores como para os posteriores.

Modelos de trabalho e enceramento para restaurações cerâmicas

Com a obtenção dos moldes, são produzidos os modelos de trabalho (Figuras 1, 2, 3, 4, 5 e 6).

Os troquéis e os enceramentos serão escaneados com a unidade de escaneamento laboratorial inEos X5 (Sirona). Inicialmente, utiliza-se o troquel do primeiro vazamento do preparo dental, que será beneficiado e escaneado (Figura 7). Após o primeiro escaneamento, a restauração em cera é perfeitamente posicionada sobre o mesmo troquel (Figura 8), e um pó de contraste é utilizado na identificação do enceramento pelo scanner (Figura 9). Depois, é executado um segundo escaneamento (duplo escaneamento).

Fresagem

Todas as informações dos desenhos dos dentes são enviadas para a unidade de fresagem Cerec MC X5 ou MC XL (Sirona), para a produção das restaurações. Podem ser utilizados os mais diversos blocos dos materiais cerâmicos disponíveis para esse sistema. Observar a alta qualidade de reprodução da restauração cerâmica, quando comparada com o enceramento (Figuras 10 a 14).


Assuntos Relacionados:
Jogo aberto; Dario Adolfi; CAD/CAM; reabilitação total;


E-mail
Cadastre seu e-mail e receba nossas Newsletters