INPN - O portal das revistas ImplatNews e PerioNews
 
Compartilhe  Compartilhe Twitter Imprimir Indique a um amigo
Publicado em: 5/29/2018 10h40

Taxa de sucesso da ancoragem esquelética com miniplacas (SAS) em movimentos ortodônticos complexos

Ciência Brasil: publicação de pesquisadores brasileiros na mídia internacional.

Publicação de pesquisadores na mídia internacional

O espaço Ciência Brasil é reservado para a divulgação das pesquisas recentemente publicadas por ortodontistas brasileiros e estrangeiros em periódicos internacionais. Confira a seguir uma dessas pesquisas:

 

Lam R, Goonewardene MS, Allan BP, Sugawara J. Success rates of a skeletal anchorage system in orthodontics: A retrospective analysis. Angle Orthod 2018;88(1):27-34.   


RESUMO

Objetivo: avaliar a premissa de que a ancoragem esquelética com miniplacas (SAS) é altamente bem-sucedida e previsível para uma variedade de movimentos ortodônticos complexos.

Material e métodos: este estudo retrospectivo transversal consistiu em avaliar 421 miniplacas instaladas por um clínico em 163 pacientes (95 do sexo feminino, 68 do sexo masculino, idade média de 29,4 anos ± 12,02). Foram realizadas estatísticas descritivas simples para uma ampla gama de más-oclusões e movimentos desejados para a análise do sucesso, das complicações e das taxas de falha.

Resultados: a taxa de sucesso das miniplacas do sistema de ancoragem esquelética (SAS) foi de 98,6%, sendo que aproximadamente 40% dos casos apresentaram complicações leves. A complicação mais comum foi a inflamação dos tecidos moles, que poderia ser manipulada com melhor higiene bucal e uso de enxaguantes antissépticos. A infecção ocorreu em aproximadamente 15% dos pacientes, nos quais houve correlação estatisticamente significativa com a falta de higiene bucal. Os movimentos mais comuns foram a distalização e a intrusão dos dentes. Mais de um terço dos casos envolveu movimentos complexos em mais de um plano do espaço.

Conclusão: a taxa de sucesso das miniplacas do sistema de ancoragem esquelética é alta e previsível para uma ampla gama de movimentos ortodônticos complexos.   

 

 

 

Coordenação de conteúdo:

 Marcio Rodrigues de Almeida

 

 


Assuntos Relacionados:
ancoragem esquelética; miniplacas; movimentos ortodônticos; Ciência Brasil


E-mail
Cadastre seu e-mail e receba nossas Newsletters