INPN - O portal das revistas ImplatNews e PerioNews
 
Compartilhe  Compartilhe Twitter Imprimir Indique a um amigo
Publicado em: 4/4/2018 55h4

Governo proíbe abertura de novos cursos de Medicina

Ministério da Educação veta a criação de novos cursos pelo período de cinco anos.
Profissionais e docentes também já se pronunciaram publicamente contra excesso de cursos de Odontologia. (Imagem: Shutterstock)

 

O ministro da Educação, Mendonça Filho, assinará nesta quinta-feira (5) uma portaria que proíbe a abertura de novos cursos de Medicina. O decreto, que está decidido desde o final do ano passado, terá prazo de cinco anos e validade em todo o Brasil.

Segundo o MEC, a moratória tem o apoio das principais entidades médicas do País. Antes de tomar essa decisão, o Ministério da Educação analisou o aumento no número de vagas abertas nos cursos de Medicina entre 2013 e 2017. Nesse período, foi apontado um salto de 19 mil para 31 mil.

“Houve uma expansão muito grande na abertura de cursos de Medicina. É preciso puxar o freio de mão para um balanço e para que possamos garantir a qualidade do ensino na área”, reforça o ministro Mendonça Filho.

Embora a medida seja restrita aos cursos de Medicina, é possível imaginar que uma proposta semelhante seja apresentada na Odontologia, já que muitos profissionais e docentes já se pronunciaram publicamente contra o excesso de cursos na área odontológica.

  



E-mail
Cadastre seu e-mail e receba nossas Newsletters