INPN - O portal das revistas ImplatNews e PerioNews
 
Compartilhe  Compartilhe Twitter Imprimir Indique a um amigo
Publicado em: 27/08/2012 16h36

2013 será o ano do IN - Latin American Osseointegration Congress

Comissão organizadora já está trabalhando a todo vapor para fazer deste encontro um acontecimento jamais visto na Odontologia latino-americana.

                                Dr.César Arita
Sob a presidência de honra de Per Ingvar Brånemark, o IN 2013 deverá reunir cerca de 5.000 especialistas de todo o Brasil e dos demais países latino-americanos. O evento acontecerá de 25 a 28 de setembro do próximo ano em São Paulo e a comissão organizadora já está trabalhando a todo vapor para fazer deste encontro um acontecimento jamais visto na Odontologia latino-americana. Nesta entrevista, o presidente do evento, César Arita, fala sobre os preparativos do evento.

ImplantNews - O que o cirurgião-dentista pode esperar do IN 2013?
César Arita - Hoje, a reabilitação oral já não existe sem implantes e os nossos pacientes sabem disso. A Implantodontia moderna, junto com o uso da internet, conseguiu padronizar técnicas e democratizar consultórios e conhecimentos. Procedimentos tão complexos podem estar ao alcance tanto de recém-formados quanto daqueles com média formação, até dos profissionais com larga experiência. Temos em mente levar conhecimentos que o clínico possa aplicar no seu dia a dia e transformá-los em dividendos para o consultório, a profissão e a qualidade de vida dos pacientes. Assim, vamos trazer no IN 2013 professores e pesquisadores que possam falar de coisas tangíveis para o consultório. Além disso, teremos muitas novidades, principalmente na integração de temas. A ideia é fazer um roteiro no qual o participante possa escolher aquilo que interessa e precisa saber.

IN - O que os cirurgiões-dentistas ganham com a abrangência latino-americana do evento?
Arita - A Odontologia da América Espanhola está muito bem desenvolvida. Tive a oportunidade de visitar vários países e até de presidir uma entidade, a Seminários Odontológicos Latino- mericanos, que contribuíram para que eu aprendesse a enxergar e respeitar nossos vizinhos. O padrão é elevado e muitas vezes essas informações não chegam ao nosso conhecimento, talvez, pela barreira da língua. Assim, acredito que a proposta de unificar o bloco, de falar uma só língua, é extremamente positiva, contribuindo para uma eficaz troca de experiências e de renovação de conhecimento.

IN - Para o senhor, que já participou como ministrador de outras edições do IN, como foi receber o convite para presidir o IN 2013?
Arita - É uma honra e uma satisfação muito grande pela oportunidade de desenvolver um trabalho que vise elevar ainda mais o nível do IN. É um evento que, pela própria história, iniciada em 2006, está muito bem formatado e estruturado, e isso só aumenta ainda mais a nossa responsabilidade de fazer uma edição ainda melhor. A comissão organizadora, constituída de profissionais comprometidos com a especialidade, está bastante empenhada, trabalhando de forma ágil e dinâmica.



E-mail
Cadastre seu e-mail e receba nossas Newsletters