PróteseNews 2017 | V4N2 | Páginas: 148-62

Utilização de cerâmica híbrida CAD/CAM em restaurações posteriores com limitação de espaço interoclusal

Use of CAD/CAM hybrid ceramic in posterior restorations with interocclusal space limitation – case report

Autor(es):

Leandro Passos1

1Especialista em Prótese Dentária – ABO/RJ; Mestre em Odontologia, área de concentração em Clínica Odontológica – Universidade Federal Fluminense; Doutor em Odontologia, área de concentração em Dentística – Uerj.

Resumo:

O objetivo deste relato de caso foi descrever o tratamento restaurador de elementos posteriores com limitação de espaço interoclusal, através de uma cerâmica híbrida CAD/CAM. Paciente do sexo masculino, com 54 anos de idade, foi reabilitado com restaurações monolíticas posteriores no hemiarco superior e inferior direito através de duas inlays, uma onlay, uma overlay, uma coroa total e uma coroa endodôntica adesiva, utilizando-se bloco de estrutura híbrida. Após diagnóstico, planejamento, procedimentos operatórios especiais, preparos dentários e afastamento gengival, a aquisição de imagens, o processamento de modelos e o desenho de restaurações foram executados em um sistema CAD/CAM chairside. As restaurações foram fabricadas em uma fresadora de quatro eixos, sendo submetidas a procedimentos de acabamento, polimento e cimentação adesiva. A cerâmica híbrida para CAD/CAM constituiu-se em um material adequado para a fabricação de restaurações posteriores, com ou sem limitação de espaço interoclusal. Durante o período de acompanhamento de 36 meses, não foram observadas patologias pulpares ou perirradiculares, além de função, ajuste marginal, forma anatômica e ausência de descolorações ou pigmentações nas restaurações. Confi rmados sucesso e estabilidade do procedimento restaurador, são necessários acompanhamentos clínicos de longa duração para corroboração de resultados, assim como investigação dos efeitos sobre a dentição antagônica.

Unitermos:

Cerâmica híbrida; Vita Enamic; CAD/CAM; Coroa endodôntica adesiva; Espaço interoclusal.

Abstract:

The objective of this case report was to describe the restorative treatment of posterior elements with interocclusal space limitation through a CAD/CAM hybrid ceramic. A 54-year-old male patient was rehabilitated with posterior monolithic restorations in the upper and lower right arch through two inlays, one onlay, one overlay, one total crown and one adhesive endodontic crown using a hybrid framework block. After diagnosis, planning, adhesive procedures, dental preparations and gingival displacement, the image acquisition, model processing and restorations’ design were performed in a “chairside” CAD/CAM system. The restorations were fabricated in a four-axis milling machine, finished, polished and adhesively cemented. Hybrid CAD/CAM ceramics was a suitable material for the manufacturing of posterior restorations with or without interocclusal space limitation. During the 36-month followup examination, no pulp or periradicular pathologies were observed, besides function, marginal adjustment, anatomical shape and absence of discoloration or pigmentation in restorations. Confirmed the success and restorative procedure stability, longterm clinical follow-ups are necessary to corroborate the results, as well as to investigate the effects on the opposite dentition.

Keywords:

Hybrid ceramic; Vita Enamic; CAD/CAM; Endo-crown; Interocclusal space.