Publicado em: 19/11/2018 às 09h20

GRAM 2019: os avanços na reabilitação de maxilares atróficos sem reconstrução óssea

Em maio de 2019, o GRAM e a VMCom promovem encontro para debater técnicas cirúrgicas de ancoragem óssea.

Abílio Coppedê será o presidente do evento.

 

Tratamentos mais rápidos, com menor morbidade e menor custo financeiro. Embora não sejam a corrente predominante na Implantodontia, as técnicas de reabilitação sem enxertia possuem inúmeras vantagens que, com a indicação correta, podem trazer benefícios para o paciente.

Diante disso, o GRAM – International Group of Graftless Rehabilitation of Atrophic Maxillae promoverá seu primeiro encontro dedicado exclusivamente a esse conjunto de técnicas, o I Congresso Internacional de Reabilitação de Maxilares Edêntulos – GRAM 2019. O encontro está programado para acontecer nos dias 16 e 17 de maio de 2019, no Centro de Convenções Rebouças, em São Paulo, e deve reunir cerca de 400 participantes.

O evento é organizado pela VMCom em parceria com um grupo de professores que fazem parte do GRAM. “Será a primeira vez que um congresso abordará exclusivamente as técnicas de ancoragem óssea, reunindo em sua grade científica alguns dos maiores experts mundiais nesse assunto”, revela Abílio Coppedê, presidente do evento.

A programação está organizada em quatro módulos temáticos, com uma mesa-redonda conclusiva entre ministradores de cada grupo.
 

Módulo temático 1 – Reabilitação do edentulismo total: o que aprendemos e para onde vamos?

Histórico das técnicas de ancoragem; Planejamento reabilitador; Biomecânica das reabilitações implantossuportadas; Excelência estética em próteses totais implantossuportadas.
 

Módulo temático 2 – 20 anos da técnica all-on-four: passado, presente e futuro

Perspectiva histórica da técnica all-on-four; Implantes inclinados; Número mínimo de implantes; Approach palatino; Novos conceitos de estabilidade primária; Carga imediata; Vantagens das técnicas de ancoragem versus enxertos ósseos.


Módulo temático 3 – Técnicas reabilitadoras para arcadas edêntulas: grandes desafios e novas perspectivas

Técnicas reabilitadoras para mandíbulas atróficas; Técnica four-on-pillars; Técnicas de osteotomia para casos de grande disponibilidade óssea; Planejamento estético em reabilitações totais.


Módulo temático 4 – Implantes zigomáticos: duas décadas de aperfeiçoamento técnico e follow-up clínico

Perspectiva histórica dos implantes zigomáticos; Técnicas cirúrgicas dos implantes zigomáticos; Manejo de complicações; Macrogeometria dos implantes zigomáticos; Resultados de duas décadas de follow-up clínico.
 

Mais informações sobre o GRAM 2019 podem ser obtidas através do telefone (11) 2168-3400, WhatsApp (11) 97113-2561 ou pelo e-mail eventos@vmcom.com.br.